Carta para Maria Clara

Natal, 22 de abril de 2015. 00h30min. Querida Maria Clara, Não sei com qual estrela estarei brincando quando você estiver lendo esta cartinha, mas espero que junto comigo aprenda a amar as estrelas. Elas são grandes amigas, principalmente quando perdemos o sono. Do meu quarto não as vejo, pois não há janelas nele, porém saio […]

Carta de aniversário para Bel – 15 anos

Natal-RN, 23 de abril de 2015. À minha amada Bel, Belzinha, nunca fui muito boa na escrita quando emocionada. É como me encontro agora, nesta data tão especial para você, para mim, para os seus familiares e amigos. Mas, vou procurar escrever um pouco dos meus sentimentos sobre este lindo momento. Você cresceu tão rápido! […]

Carta de aniversário para Mara

Natal-RN, 03 de dezembro de 2016. Mara, A amizade é uma suma harmonia nas coisas divinas e humanas, com benevolência e amor. Dons tão grandes, que não sei se os Deuses concederam (exceto à sabedoria), outro maior aos mortais. Cícero Quando a gente não passa o tempo passa e quando a gente deixa o tempo […]

Carta à menina do porquinho

Natal-RN, 26 de julho de 2017. Carta à menininha do porquinho. Querida menininha, Como vai você? Como vai o seu porquinho? Fiquei muito feliz em saber que você está criando um porquinho. Eles são animais dóceis e nos dão muito carinho. Você diz na sua cartinha que ele passou a ser o seu melhor amigo, […]

Carta de amizade para Mara

Natal, 03 de dezembro de 2017. Amigo é feito casa que se faz aos poucos e com paciência pra durar pra sempre Capiba Minha amada amiga, Este ano as flores não foram como deveriam, mas há de se produzirem novos cheiros e novos outonos nos anos vindouros para que elas retornem à sua velha casa. […]

Cartas à menininha de vestido vermelho – Carta 2

Natal, 23 de outubro de 1993. Carta à menininha do vestido vermelho. Querida menininha, Como tem passado? Sinto-me melhor nestes últimos dias. Há um mês você veio me ver, mas parece que faz anos, pois hoje a saudade sua me bateu fortemente. Gosto de conversar com você e do seu olhar de borboleta quando me […]

Cartas à menininha de vestido vermelho – Carta 1

Natal, 18 de junho de 1993. Carta à menininha do vestido vermelho. Querida menininha, Como está você? Sinto saudades. A minha vida não tem sido nada fácil nos últimos dois meses. Estive doente. Sinto-me doente de um não querer outro dia em mim. Como era bom quando você vinha me ver nas manhãs de outono. […]

Cartas de amor – Carta 21

Natal(RN), 18 de junho de 1960. Meu amor, Estou diante do espelho. Olho meu rosto cheio de rugas e sorrio de mim mesma. Faço anos hoje. Tenho agora oitenta e sete anos e você noventa e três anos de idade. Tantos anos se passaram e nenhuma notícia sua. O destino nunca quis que nos reencontrássemos. […]

Cartas de amor – Carta 20

Natal, 12 de agosto de 1922. Uma carta de amor para L. Meu amor, O sonho acabou. As luzes se apagaram, não há público e o espetáculo não tem atores. Ficaram as saudades dos bons momentos. Eu quis muito ser sua companheira, dividir a minha vida com você, conquistar sonhos e ideais ao seu lado, […]

Cartas de amor – Carta 19

Natal, 01 de abril de 1921. Meu amor, Chora minh’alma, choram os toques dos meus dedos no vento que passa rápido sem nem me cortejar…apenas passa. Sinto sua falta e a saudade corrompe meu ente, minha essência. Já não sei quem sou, o que quero, o que grita dentro de mim já não sou mais […]