O menino era bastante inteligente. Dizia a todos que temos dois mundos: um que fica dentro da gente e um outro que fica do lado de fora. Com o mundo que fica dentro da gente podemos fazer o que quiser com ele, pois é nosso e de mais ninguém. Mas, às vezes, algumas pessoas querem modificá-lo e cabe a cada um de nós permitir ou não.

No mundo interior, esse que fica dentro da gente, só entra quem queremos. É um mundo cheio de coisas nossas, onde guardamos os nossos segredos e jeitinho de ser. O mundo do menino, por exemplo, tinha uma jaula para o dragão do qual tinha medo.

Exercícios para o bom pensar.

1 – O que é o nosso interior?
2 – Como construímos nosso mundo interior?
3 – O que é preciso para construir o nosso mundo interior?
4 – Por que temos dois mundos?
5 – Qual mundo é mais parecido com você: o de dentro ou o de fora de
você?

Desenhe seu mundo interior.